Saiba o que define o tamanho de um navio

Os navios são divididos em embarcações de pequeno, médio e grande porte. Essa diferença de tamanho, que se refere às especificações físicas das embarcações e à capacidade de passageiros transportados, interfere na infraestrutura de lazer e no serviço.

Navios maiores, em geral, contam com maior infraestrutura de lazer e mais diversidade de ambientes para os passageiros — afinal, como comportam mais pessoas, necessitam de restaurantes maiores, mais piscinas, teatro mais amplo etc.

Os navios menores, por transportarem menos hóspedes a cada viagem, têm menor infraestrutura de lazer e investem mais na ideia de exclusividade de seus restaurantes e serviços, ou são voltados para a exploração do roteiro, como em viagens à Antártida ou à Terra do Fogo.

São considerados navios de grande porte os que transportam mais de 1,5 mil passageiros; os médios levam entre quinhentas e 1,5 mil pessoas; e os pequenos têm capacidade para menos de quinhentos hóspedes. A quantidade de cabines disponíveis muda conforme o tipo de navio.

Como regra geral, dada sua capacidade, navios de grande porte oferecem preços menores. Navios de médio porte costumam ser o modelo escolhido pelas companhias de cruzeiros mais luxuosas, embora também sejam frequentemente adotados por aquelas que oferecem cruzeiros de exploração.

Navios de pequeno porte são também chamados de megaiates e oferecem os serviços mais exclusivos do mundo dos — cruzeiros. As cabines costumam ser espaçosas, e um número muito restrito de passageiros é transportado a cada viagem, em cruzeiros mais intimistas e, obviamente, muito mais caros.