Um Cruzeiro ou um Resort?

Encontrar vantagens ou desvantagens neste tipo ou naquele tipo de viagem depende muito, é qual claro , do viajante. Mas, em geral, acredito que os cruzeiros sejam mais interessante que os Resorts pelos seguintes motivos:

As cabines são mais confortáveis e custam menos que um quarto num Resort da mesma categoria (como no resort, o preço da cabine depende da localização, do tamanho e, claro, da categoria do navio).

Por esse motivo, uma semana num cruzeiro custa menos que o mesmo período num resort da mesma categoria. Os Resorts costumam incluir meia pensão (café da manhã e jantar), enquanto os cruzeiros incluem pensão completa (café, almoço e jantar), e existem muitos com bufê 24 horas ou serviço de chá da tarde e ceia.

No resort, você acorda todo dia na mesma praia, e conhecer um local diferente implica custos extras para o deslocamento. No navio, você acorda cada dia num porto diferente e vê paisagens muito distintas ao longo do cruzeiro; como as taxas portuárias são obrigatórias, descer nas escalas e conhecê-las não quer dizer, obrigatoriamente, que você terá custos extras.

Muitos resorts possuem apenas um ou dois restaurantes para o café da manhã e as demais na maioria dos navios, você pode come: em restaurantes diferentes a cada dia ou mesmo tomar um lanche na piscina. As opções de entretenimento no resort costumam ser bastante limitadas para adultos em geral, restringem-se à diversão das crianças): no cruzeiro, há inúmeras opções de entretenimento para todas as idades, todos os dias.